Programa Rua da Gente

REALIZAÇÃO

LAZER

Esse é o polo da brincadeira, do resgate de antigas práticas que auxiliam no desenvolvimento de questões muito importantes para criança. Essas atividades lúdicas têm como principal objetivo ensinar e estimular a criança e o jovem a se desenvolver.

O objetivo é levar uma visão mais ampla de si mesmos, compreendendo sobre direção (direita e esquerda), ordem (sim e não), relacionamento com os colegas e muito mais. Nessas atividades, se ensina a esperar sua vez, saber que algumas vezes ganhamos, mas em outras vezes podemos perder, compreender que existem regras a serem seguidas e que isso faz parte da sociedade.

O contato com espaços públicos e com a natureza trazem benefícios para a criança e para o adulto pois leva o sentimento de pertencimento à comunidade. O contato com atividades desse tipo são importantes para a criança pois desenvolvem habilidades manuais, respeito a si próprio e ao próximo.

As brincadeiras são mais que diversão, são atividades que conduzem ao aprendizado e a percepção. As crianças que aprendem a brincar e controlar livremente as brincadeiras, sentem um prazer natural e tendem a desenvolver interesse por determinadas atividades.

No Estatuto da Criança e do adolescente (ECA), está expresso a importância de promover o acesso a essas atividades.

Artigo 31 – Estatuto da criança e adolescente (ECA, 1990).

“Os estados parte deverão respeitar e promover o direito da criança de participar integralmente da vida cultural e artística e deverão propiciar oportunidades iguais e apropriadas para a atividade cultural, artística, recreativa e de lazer.”